Sem categoria

Na Garupa do Besouro – Resenha

 

jp-effting-na-garupa-do-besouro

Livro: Na Garupa do Besouro

Autor : J. P. Effting

Editora: PENALUX

Páginas: 76

ISBN: 978-85-5833-060-2


Na Garupa do Besouro é um livro de contos que nos trás várias temáticas, mas sempre dentro do terror/fantasia. A tentativa de fuga da realidade ameaçadora; possíveis acontecimentos pós-morte; criaturas misteriosas e aterrorizantes; a natureza humana como sendo, talvez, o mal que julgamos vir de forças malignas.

A leitura do livro é rápida, sete contos distribuídos em 76 páginas muito bem escritas, por sinal.

No primeiro conto, um garoto perturbado por valentões da escola recebe um presente de um homem misterioso.

“– Eu me chamo Bryan! E… porque, assim como você, eu também aprecio a arte do desenho. O que tenho a oferecer é poderoso e deve ser usado para o bem. E só para o bem.

 – Ok, vamos supor que eu aceite, o que eu deveria te dar em troca?

 – Nada, garoto. Só quero te ajudar. Sei que você tem um dom. Posso sentir. Bom, diga agora: quer ou não? Preciso partir.”

No entanto, o que inicialmente seria usado somente como proteção, acaba levando um garoto um pouco mais longe.

No segundo conto, uma vizinhança é tomada por criaturas que impedem (da pior forma) qualquer tentativa de fuga dos moradores desesperados. O protagonista, porém, traça um plano que pode salvar a sua vida.

“Pensei que fossem meus vizinhos, até que um raio iluminou tudo e então realmente os vi, ainda fora do meu terreno. Na frente da minha casa, havia cinco criaturas. Chamo-as assim porque acredito que não eram humanos. Mesmo que um dia tivessem sido, tenho certeza que não eram mais naquele momento.”

No terceiro conto, duas pessoas são convocadas para uma disputa após a morte.

“Enfiou a mão em seu bolso com o intuito de tirar sua carteira de Marlboro, mas não tinha nada lá. “Que grande merda. Nem um último cigarro? Porra.”. Sentiu-se frustrado. “A eternidade toda sem nenhum cigarrinho? Sério mesmo? Nem um último?” – E começou a rir.”

 O quarto conto narra acontecimentos assustadores, em pleno dia de final de copa do mundo (é, eu sei, um péssimo dia pra coisas sinistras acontecerem). Três amigos ignoram as orientações dadas pelo governo, após um rastro aparecer no céu e uma fumaça negra invadir as ruas: Eles saem de casa.

O quinto conto se inicia de forma descontraída, com um menino disposto a assistir filmes de terror após seus pais terem saído de casa (quem nunca?). Ao término da sessão, porém, ele nota que talvez não esteja sozinho.

No sexto conto, a amizade de três jovens é colocada à prova após um “homem” macabro introduzi-los em um jogo doentio.

“Era cômico que alguém entrasse em sua casa e o fizesse escolher entre aquelas duas loucas opções. Porém, não era uma piada. Sentia isso. O homem não estava brincando e, se ele não decidisse logo, tinha certeza que seus miolos estariam espalhados pelo chão da cozinha, servindo de comida para seu gato, em menos de um minuto.”

No sétimo e último conto, um jovem amargurado decide se matar, mas falha em sua primeira tentativa e acorda em um hospital. Após estar recuperado, porém, ele decide tentar outra vez, e percebe que talvez as coisas não sejam assim tão simples.

 


ENTÃO, O QUE ACHAMOS?

O livro é curto, mas não deixa de ser intenso. Aquela leitura que te deixa intrigado, preso do início ao fim. Confesso que iniciei a leitura de forma descompromissada, às 1h30 da manhã, e simplesmente não consegui parar.

Os contos foram muito bem desenvolvidos, e os personagens conseguem cativar (o que, se tratando de contos, não é lá muito comum). As histórias trazem consigo um misto de sentimentos, causados pelas diversas situações incrivelmente atípicas; Algumas vezes, obra do destino; Outras vezes, apenas consequências das escolhas dos protagonistas.

Sem dúvida um excelente livro, de um gênero que (entre tantos outros), nacionalmente falando, ainda é carente.

Ficaremos de olho no autor, muita coisa boa ainda deve vir por aí. Livro mais do que indicado!

Anúncios

4 comentários em “Na Garupa do Besouro – Resenha”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s